CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Estocolmo, Suécia
0 Flares Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Fugindo um pouco da Europa convencional, em julho/2017 resolvi partir para a Escandinávia. Dentre os países nórdicos, a Suécia foi o destino escolhido. A capital Estocolmo não é nada menos do que encantadora. Mas o adjetivo é ainda insuficiente para definir tanta beleza, cultura e civilidade.

Embora não seja um destino dos mais conhecidos pelos brasileiros, Estocolmo tem muito para ser visto! É recomendável, portanto, uma estadia de cerca de três ou quatro dias, a fim de que nada seja deixado para trás.

 

O que fazer em Estocolmo?

A cidade tem passeios dos mais variados tipos: desde programações para casais ou grupos de amigos até atrações infantis. Mencionarei aquelas que, na minha opinião, você não pode deixar de conhecer! Bora lá?

 

Gamla Stan

Esta é a parte da antiga da cidade, onde você mais vai se sentir na Escandinávia! Caracterizada por ruelas estreitas, com casinhas e construções seculares, é também onde está localizado o, talvez, mais famoso ponto turístico de Estocolmo: a Praça Stortorget, na foto. Não deixe de caminhar pelo entorno, explorando cada bequinho! E, se possível, pare em um restaurante e peça as almôndegas, prato famoso na região.

CONHEÇA OS ENCANTOS DE ESTOCOLMO!
Gamla Stan. Foto: Bárbara Santos de Almeida

Vasamuseet

O Museu Vasa não só conta a história como expõe o navio que lhe dá nome. Ele naufragou ainda no porto, em sua viagem inaugural e, após muitos anos de resgate e restauro, está ali, imponente e bem diante dos nossos olhos, como se estivéssemos prestes a embarca-lo! Além do navio, é possível ver também objetos recuperados de dentro dele, as ossadas de alguns de seus tripulantes, além de maquetes que ilustram fielmente o interior do navio. Recomendo a utilização dos áudio-guias, a fim de que nenhuma informação importante se perca. O ingresso custa 130 coroas suecas.

CONHEÇA OS ENCANTOS DE ESTOCOLMO!
Navio Vasa no Vasa Museet. Foto: Bárbara Santos de Almeida
CONHEÇA OS ENCANTOS DE ESTOCOLMO!
Detalhe do Navio Vasa no Vasa Museet. Foto: Bárbara Santos de Almeida

Nordiska Museet

O Museu da Cultura Nórdica retrata… A cultura nórdica! Rsrs! Mas não se engane: o museu, que é enorme, fala do povo nórdico em geral (e não apenas dos suecos), passando por diversos períodos históricos e expondo adornos, peças de vestuário, joias, utensílios domésticos e tantos outros artigos, espalhados pelos seus três andares! É realmente impressionante e enriquecedor! O ingresso custa 100 coroas suecas.

CONHEÇA OS ENCANTOS DE ESTOCOLMO!
Nordiska Museet. Foto: Bárbara Santos de Almeida

Ice Bar

É um bar feito totalmente de gelo. Ao todo, são cerca de 40 toneladas! Fica localizado no térreo do Hotel C e a entrada, que custa 199 coroas suecas para não hóspedes e 170 SEK para hóspedes, dá direito a consumir um drink, servido, obviamente, em um copo de gelo!

CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Ice Bar. Foto: Bárbara Santos de Almeida

Tivoli

Diferentemente do famoso Tivoli Gardens de Copenhaguen, o Tivoli de Estocolmo é um parque de diversões! Com programações lúdicas voltadas para o público infantil e brinquedos radicais e de terror para adultos e adolescentes, o parque é realmente democrático! Você pode pagar apenas pela entrada no parque (120 SEK) e comprar os tickets dos brinquedos de forma avulsa ou pode comprar um dos pacotes, que variam de 240 SEK a 1599 SEK. O brinquedo da foto é uma excelente forma de ver um panorama completo da cidade! Ao fim das brincadeiras, recomendo dar uma paradinha em um dos bares que ficam no cais, ali próximo: a vista é espetacular, especialmente no pôr do sol, que, no verão, acontece já por volta das 21 horas!

CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Brinquedo no Tivoli. Foto: Bárbara Santos de Almeida
 CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Por do sol, às 21h, no cais do Tivoli! Foto: Bárbara Santos de Almeida

Stadshuset

O prédio da prefeitura de Estocolmo, que abriga também a Câmara do Conselho Municipal e cerca de 250 escritórios administrativos, é palco das cerimônias de entrega do Prêmio Nobel, anualmente realizadas em seu Salão Azul. Ironicamente, o denominado Salão Azul é, na verdade, vermelho! Isso porque o projeto inicial previa pinta-lo de azul mas, de última hora, se resolveu deixar à mostra seus tijolinhos na cor original, vermelha. A exuberante arquitetura, especialmente do Salão Dourado, na foto, complementa o esplendor do prédio.

Antigamente, a entrega do Prêmio Nobel era realizada neste salão mas, com o passar dos anos, ele passou a não comportar a crescente quantidade de convidados, razão pela qual a cerimônia de entrega passou a ser realizada no Salão Azul, sendo o Salão Dourado palco apenas do Baile que ocorre após o jantar. Todas essas curiosidades bem como os demais fatos e a história do Stadshuset são atenciosamente contadas por guias presenciais, incluídos no valor do ingresso, que custa 120 SEK.

 CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Salão Dourado no Stadshuset. Foto: Bárbara Santos de Almeida

Skansen

Skansen é o primeiro museu ao ar livre do mundo! Inaugurado em 1891, seu objetivo é mostrar à sociedade atual como era a vida de nobres e camponeses no passado. Atores devidamente caracterizados fazem a sua imersão na época, mostrando-lhe as construções e contando a história do local. Neste parque de dimensões colossais, é possível ver ainda animais existentes apenas na fauna nórdica. Grandes áreas verdes são palco de piqueniques, festivais e concertos, ali realizados o ano todo. Os ingressos variam entre 100 SEK e 180 SEK.

 CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Construção no Skansen. Foto: Bárbara Santos de Almeida
CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Fauna nórdica. Foto: Bárbara Santos de Almeida

Kungliga Slottet

O atual palácio é a reconstrução da antiga residência real, que foi destruída por um incêndio em 1697. Embora não abrigue mais a realeza, os aposentos reais ainda são usados em cerimônias oficiais. Em julho, por exemplo, é aniversário da princesa, ocasião em que a família retorna ao palácio, devidamente ornamentado com bandeiras nacionais. O imponente edifício abriga ainda o Tesouro, onde são guardadas as joias do reino, a Capela Real e os Museus Tre Konor e de Antiguidades de Gustavo III.

 CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Kungliga Slottet. Foto: Bárbara Santos de Almeida

Quando visitar?

Por estar localizada mais ao norte do que os países mais visitados da Europa, a Suécia – bem como a Escandinávia como um todo – apresenta temperaturas mais baixas. Deste modo, recomendo a visita durante a primavera e o verão (de maio a setembro) quando a temperatura estará bastante agradável: nem fria demais como no inverno; nem quente demais como no verão do resto da Europa.

Nesta época, os dias também são mais longos, o que lhe dá umas horinhas a mais para aproveitar a cidade. Contudo, por mais que o sol ainda esteja a pino por volta das 20h, algumas atrações fecham às 18h mesmo. Então é bom dar prioridade para visitar primeiro os locais fechados e fazer os passeios a céu aberto após as 18h, quando não será mais possível ir àqueles.

 

Como se locomover?

Estocolmo é um arquipélago, em que cada bairro está localizado em uma ilha diferente. A despeito disto, a cidade conta com uma boa estrutura de metrô e transporte público. Mas se você é adepto dos famosos ônibus Hop on-Hop off, este pode ser um excelente meio de rodar pela cidade como um todo. Algumas das linhas fazem o trajeto também de barco, o que proporciona uma vista incrível da cidade!

 

O que comer?

Embora com ares de cidadezinha, de “zinha” Estocolmo não tem nada! E como toda capital que se preze, apresenta culinária de todas as partes do mundo! Assim, é possível comer desde fast food americano até comida chinesa.

Contudo, não deixe de provar as almôndegas, que são a “especialidade da casa”, e as ostras e frutos do mar da região!

 CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Culinária local. Foto: Bárbara Santos de Almeida

Considerações gerais

Conforme mencionado anteriormente, embora pertencente à União Europeia, a Suécia não adota o Euro e a sua moeda é a Coroa Sueca (SEK). É possível fazer a conversão de seus euros nas casas de câmbio espalhadas pela cidade.

O idioma oficial é o sueco mas o inglês é falado por todos, de maneira que se você domina esta língua, não terá dificuldade nenhuma para se comunicar.

A segurança em Estocolmo é algo surreal. Você não precisa se preocupar se é seguro andar em tal bairro ou em tal horário. Mas em locais de grande movimento, não custa nada se prevenir dos pick pockets, não é mesmo?

A verdade é que o único medo que você deve ter em Estocolmo é o de se apaixonar perdidamente pela cidade e não querer mais voltar de lá!

CONHEÇA OS ENCANTOS DA SUÉCIA!
Apaixonada por Estocolmo! Foto: Bárbara Santos de Almeida

9 COMENTÁRIOS

  1. Realmente, muito enriquecedor o artigo sobre um país que eu ainda não havia colocado no meu projeto . Agora certamente estará .
    Além de belíssima escrita e escritora .

  2. Texto muito interessante e fotos maravilhosas. Realmente é o lugar que jamais passou na minha cabeça em conhecer mas agora já to cheia de vontade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here